Cleiton Collins criticou a possível criação da pasta (Foto/Divulgação)

A proposta do Governo do Estado de criar uma Secretaria Executiva para atender às minorias levou a um embate entre a bancada evangélica da Assembleia Legislativa (Alepe) e outros parlamentares da Casa, nesta segunda-feira (23). Os primeiros repudiam a criação da pasta, já o outro grupo defende que alguns segmentos, como os do LGBT, devem ter atenção especial pelo Legislativo e Executivo.