.

quinta-feira, 15 de abril de 2021

Governo vai oferecer 600 bolsas a médicos e profissionais de saúde

 


O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga

MARCELO CAMARGO/AGÊNCIA BRASIL - 12.04.2021

Os ministros Marcelo Queiroga (Saúde), Milton Ribeiro (Educação) e Onyx Lorenzoni (Secretaria-Geral da Presidência da República) se reuniram nesta quinta-feira (15) para discutir projetos integrados para formação de médicos intensivistas e profissionais da saúde. Uma das propostas  vai oferecer 300 bolsas para médicos e 300 para multiprofissionais da saúde.


"Estamos discutindo aqui sobre a formação de médicos e de outros profissionais da saúde, seguindo as orientações do presidente da República, que quer formar médicos intensivistas para o Brasil, médicos qualificados que possam responder à sociedade a cerca de políticas públicas", afirmou o ministro Marcelo Queiroga, na saída da reunião, no Ministério da Educação, em Brasília.


Estamos trabalhando num projeto que vai ofertar 300 bolsas a intensisvistas e 300 para residência multiprofissional. O governo trabalha de maneira integrada para levar políticas públicas para a população brasileira, sobretudo numa época como essa, em que formar  profissionais de saúde é algo muito impotante, para atender a necessidade do presente e do futuro", completou Queiroga. 


Outra proposta que está sendo articulada pelos ministros é a possibilidade de residências médicas se tornarem mestrados profissionais.


"As iniciativas conjuntas atendem e respondem ao presente do desafio no enfrentamento da pandemia de covid-19 e prepara para o futuro imediato, com a presença de mais e melhores profissioanais mais qualificados para o atendimento à população", afimou o ministro Onyx Lorenzoni. 


Fonte: Do R7.

PP dobra de tamanho no Nordeste e se transforma em um partido gigante


 Estudo da Consultoria Digital Marketing Sharks, encomendado pelo Valor Econômico, validou uma realidade já observada desde a eleição de 2020: o PP dobrou de tamanho na gestão do senador Ciro Nogueira e se tornou um partido gigante no Nordeste. A legenda subiu do sétimo para o terceiro lugar no ranking municipal. Esse crescimento se deu na esteira da diminuição das duas siglas que dominaram a disputa presidencial no país pós-redemocratização até 2018, o PT e o PSDB.


Na região Nordeste, o partido também teve forte desempenho na quantidade de eleitos, ganhando 141 novas prefeituras, somando 285 com as reeleições. O PP possui o quinto maior volume eleitoral, com o montante de R$ 140,1 milhões de fundo eleitoral. Esse tamanho todo credencia a sigla a pleitear espaços representativos, nacionalmente falando, como ministérios e até a vaga de vice do presidente Jair Bolsonaro em 2022.


Em Pernambuco, o sucesso do PP atende pelo nome de Eduardo da Fonte. Sob a liderança de Dudu, como é conhecido o deputado federal, o partido teve um crescimento bastante expressivo. Cidades importantes de Pernambuco são administradas pelo partido, a exemplo de Barreiros, Calçado, Cumaru, Lagoa do Ouro, Lagoa dos Gatos, Macaparana, Manari, Palmares, Paranatama, Santa Cruz da Baixa Verde, Santa Cruz do Capibaribe, Santa Maria da Boa Vista, São João, São Vicente Férrer, Sirinhaém, Timbaúba e Tupanatinga.


Além disso, o PP tem a segunda maior bancada da Assembleia Legislativa e comanda a Casa, presidida por Eriberto Medeiros. No Executivo, o partido também está à frente da poderosa Secretaria de Desenvolvimento Agrário com o deputado estadual Claudiano Martins Filho. A exemplo da nacional, o PP de Dudu da Fonte já tem tamanho para ocupar uma vaga na majoritária da Frente Popular, seja na vice de Geraldo Júlio, seja apresentando o candidato a senador da chapa.


ESTADOS – De acordo com o levantamento, é possível, ainda, notar o forte desempenho Progressistas em cada estado nordestino. Na Bahia, foi conquistado mais de 1 milhão de habitantes. Pulando para o Piauí, estado de Ciro Nogueira, a sigla também teve um excelente desempenho, crescendo 80% e alcançando pouco menos de um terço de toda a população de lá. Outro destaque foi na Paraíba, com o crescimento de mais de 900%, e alcance de 25% da população paraibana.


METODOLOGIA – A metodologia utilizada para a realização da pesquisa da Digital Marketing foi o levantamento dos resultados de 1.756 cidades do Nordeste, que englobam 54 milhões de habitantes. Segundo o estudo, há o crescimento no comando da legenda em relação às prefeituras do Estado, que há quatro anos comandava 3,2 milhões de pessoas no Nordeste, mas agora já administra 6,3 milhões.


INVESTIMENTOS – O deputado federal Eduardo da Fonte (PP), ao lado da deputada estadual e presidente da Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa de Pernambuco (ALEPE), Roberta Arraes, vem trabalhando para levar novos investimentos que vão fortalecer os serviços de saúde no Sertão do estado. “Eduardo da Fonte tem sido um grande parceiro do Sertão de Pernambuco, inclusive, as primeiras ambulâncias modelo UTI das cidades de Araripina e Trindade foram adquiridas através dele. Isso representa uma grande conquista para toda a região”, pontuou Roberta Arraes.


ELEIÇÃO – A União dos Vereadores de Pernambuco (UVP) divulgou nova data e local para eleição da mesa diretora. Segundo o comunicado, o pleito acontecerá no próximo dia 18 de abril de 2021 (domingo que vem), na Escola Modelo de Gaibú – Professora Maria Thamar Leite da Fonseca, situada Loteamento Enseada dos Corais, no Cabo de Santo Agostinho. Todos os parlamentares das câmaras filiadas à UVP poderão votar no horário entre 8h às 17h, munidos de documento de identificação com foto. A Comissão Eleitoral também esclareceu que serão respeitados todos os protocolos de segurança sanitária para prevenção e combate à Covid-19.


O povo quer saber: quem será o novo presidente da UVP: Léo do Ar (situação) ou Zé Raimundo (oposição)?


Por Fernanda Maria, Cientista Política.


Fonte : FalaPE.

“É uma autoridade querendo comer o fígado da outra"

 


Em meio aos rumores de que aliados do presidente Jair Bolsonaro pretendem fazer da CPI da Pandemia uma arena para centrar fogo no uso de recursos federais por parte dos governadores, em especial os do Nordeste, o governador do Piauí, Wellington Dias realçou, em entrevista à Rádio Folha FM 96,7, ontem, que, em outros países as aquisições de kit intubação, oxigênio, exames e testes ficaram sob a coordenação do governo central, diferente do Brasil. Presidente do Consórcio Nordeste, Wellington sublinhou que a aplicação dos referidos recursos se deu com base em "legislação especial que foi editada no Brasil, considerando uma situação emergencial". O petista emendou: "Estamos falando de um País que já se aproxima de 360 mil óbitos, que deu colapso na rede hospitalar, que falta oxigênio, falta medicamentos". Ele lamentou, no entanto, o seguinte: "Na hora que um Estado desesperado quer comprar, o setor privado quer comprar, os vendedores, infelizmente, fizeram um leilão". Apesar disso, realça que "mesmo onde houve dispensa de licitação, e era permitido na calamidade, se fez essas compras tendo como referência o preço estabelecido na tabela nacional".


Wellington repisa que o momento é "de calamidade, uma guerra contra o coronavírus" e admite: "Aí, você tem as autoridades que precisavam todas estarem em sintonia e é uma querendo matar a outra, comer o fígado do outra". Na esteira, vaticina: "É claro que isso vai dar errado". O governador pontua que é possível investigar quem quer que seja. Mas adverte: "O que não é razoável é isso ter conotação de guerra política". Ontem, o STF referendou a decisão do ministro Luís Roberto Barroso que determinou ao Senado a instalação de uma CPI para investigar as ações do Governo Federal no combate à pandemia. Sem terem conseguido inviabilizar a CPI, a estratégia de aliados de Bolsonaro, agora, seria, mirar os gestores estaduais. Entre eles, Renan Filho , cujo pai, Renan Calheiros tenta se fortalecer para assumir a relatoria da CPI no intuito de pegar o governo no contrapé.


Conta tudo para Lula!

Após aliados da deputada Marília Arraes questionarem a reunião, revelada pela coluna, do senador Humberto Costa com o governador Paulo Câmara, nas coxias, uma liderança petista alfineta: "Os mesmos precisam reclamar com Lula, que, na semana passada, foi à mesa com a cúpula do PSB". Aliados de Marília apontaram "erro adesista" e "antecipação às definições partidárias".


Desafios > Em Webinar do 4º CEO MEETING JornalCana sobre a Competitividade e a Sustentabilidade das Usinas na Região Norte/Nordeste, o presidente do Grupo EQM, Eduardo de Queiroz Monteiro, abordou, ontem, os desafios na operação de usinas em estados diferentes, ancorados na meta de manter a sustentabilidade dos negócios. Realçou os aspectos ambiental, social e econômico, sublinhando os esforços na "promoção do meio ambiente".


Acervo > Eduardo Monteiro realçou "acervo de trabalho" nessa área ambiental e a importância disso para "qualificar a produção e certificar nossa inserção nos mercados mais exigentes do mundo". Na área social, traçou "avanços inequívocos do Governo Federal", citando atuação do ministro Rogério Marinho, ainda no Ministério da Economia, ao promover "adequação da legislação complexa no que diz respeito à relação de trabalho no setor".


Conjuntura > Ainda em sua análise, a estrutura de produção funciona como "cintrurões de segurança" no sentido de evitar que a mão de obra migre para região metropolitana. Ele descreveu a atividade como "um instrumento de formação econômica da história brasileira", admitiu conjuntura adversa em função da pandemia e citou a preocupação com a recuperação da economia.


Fonte :Folha de PE.

CPI deverá agravar ambiente político no Brasil


 O Brasil sempre foi marcado por crises institucionais que culminaram em prejuízos sociais e econômicos para toda a população. Porém, desde 2013 quando tínhamos a realização da Copa das Confederações e eclodiu uma série de protestos contra a classe política que vivemos um tsunami de acontecimentos que deixaram o país como um verdadeiro barril de pólvora.


As eleições de 2014 que possibilitaram a reeleição de Dilma Rousseff tiveram acontecimentos jamais vistos, a começar pelo acidente que vitimou o presidenciável Eduardo Campos, logo em seguida, visualizamos uma campanha sangrenta que deixou sequelas para o país, em especial para a própria candidata reeleita que enfrentou crise econômica e depois política que culminariam em seu impeachment em 2016.


A ascensão de Temer trouxe certo alívio e boa expectativa para as reformas, porém o caso Joesley Batista tirou o governo de órbita, que a partir de então teve que atuar para salvar a pele do presidente em duas denúncias arquivadas pela Câmara dos Deputados. O ambiente radioativo, que prosseguiu com a prisão de Lula, gerou um então deputado do baixíssimo clero como a salvação da pátria. Jair Bolsonaro chegou ao cargo de presidente da República em 2018 aplicando uma acachapante derrota a Fernando Haddad e acabando com uma hegemonia de quatro eleições presidenciais do PT, além disso, Bolsonaro simplesmente dizimou o PSDB, então antagonista do PT nas seis eleições anteriores.


Na presidência da República, Bolsonaro não mudou seu perfil beligerante, e ao longo de 2019 brigou com Deus e o mundo, permanecendo o ambiente extremamente tóxico no país. Mas ninguém poderia imaginar que em 2020 o cenário iria piorar com a chegada da pandemia da Covid-19, o que mudou para sempre a vida dos brasileiros, e novamente implodiu a economia e qualquer agenda desenvolvimentista que pudesse ser implantada.


Um ano após o início da pandemia, em vez de comemoração pela chegada de vacinas e agilizar ainda mais a aplicação delas para garantir a imunidade de rebanho, a guerra política produz uma CPI da pandemia, que pelo escopo apresentado visando investigar as ações do presidente da República e dos prefeitos e governadores com os recursos enviados pelo governo federal, deverá criar um ambiente ainda mais conturbado, onde a gente sabe como vai começar, mas não faz ideia de como vai terminar, porém o indicativo é de que tudo tende a piorar com a guerra que está começando no Senado Federal.


Desfiliação – O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) reconheceu a existência de “justa causa”, para que dois deputados federais do PSB possam se desligar da legenda, sem que isso implique na perda de seus mandatos. Foram beneficiados Rodrigo Coelho (SC) e Felipe Rigoni Lopes (ES). Os dois foram suspensos das atividades no Congresso após votarem a favor da reforma da previdência.


Bolsa-Família – O ministro Marco Aurélio, do STF, determinou o Governo Federal que “reintegre as famílias excluídas do Programa Bolsa Família durante a pandemia da covid-19”. A reintegração deve ocorrer no prazo de dez dias, sob pena de multa diária de R$ 100 mil.


Inocente quer saber – A CPI trará algum resultado positivo para o Brasil?


Fonte : Blog do Edmar Lyra.

Paulo Câmara anuncia ampliação da vacinação para idosos acima de 60 anos de idade em todo o Estado

 


Governador também divulgou a flexibilização do rodízio de abastecimento de água nas áreas críticas da RMR, com a elevação do nível de armazenamento dos reservatórios provocada pelas chuvas



Em pronunciamento nesta quarta-feira (14.04), o governador Paulo Câmara anunciou a chegada de mais 255 mil doses de vacina contra a Covid-19 ao Estado, prevista para amanhã (15.04). Com o novo lote, será possível avançar em todos os municípios pernambucanos na imunização de idosos acima de 60 anos de idade. Além disso, Paulo Câmara também divulgou a flexibilização no rodízio do abastecimento de água nas áreas mais críticas da Região Metropolitana do Recife.


“É um passo importante na proteção da população idosa, que já vem registrando resultados positivos nas faixas etárias cuja imunização já foi concluída. Nosso esquema de logística está pronto e a distribuição dessas novas doses será concluída até a próxima sexta-feira”, ressaltou Paulo Câmara.

 

ÁGUA – Ainda de acordo com o governador, o volume de chuvas registrado nos últimos cinco dias elevou o nível de armazenamento dos principais reservatórios da Região Metropolitana do Recife. Com isso, será possível flexibilizar o rodízio do abastecimento de água nas áreas mais críticas da RMR. “O novo calendário será divulgado pela Compesa, e vai permitir uma oferta maior para atender às demandas da nossa população. Com mais água, temos mais condições de intensificar a higienização das mãos e dos ambientes”, reforçou Paulo Câmara.

 

Link para o pronunciamento do governador: https://we.tl/t-WogYaSe5W6

Fonte: Blog Ponto de Vista.

terça-feira, 13 de abril de 2021

ESTÁGIO


 A Prefeitura de São Lourenço da Mata está com cinco vagas abertas para estagiários em assistência social. As vagas são destinadas a estudantes a partir do terceiro período do curso de Serviço Social. Para se candidatar é preciso comprovar residência fixa na cidade. Os escolhidos atuarão no “Programa A Casa É Sua”. Os interessados devem enviar os currículos para o email: comunicacao@slm.pe.gov.b


Fonte : Assessoria de Comunicação.

São Lourenço da Mata institui o Dia Municipal da Conscientização sobre a Fibromialgia

 


A Câmara Municipal de São Lourenço da Mata aprovou, nesta terça-feira (13), o projeto de lei 022/2021, que autoria do vereador João Pessoa (PSD), que institui todo o dia 12 de maio como o Dia Municipal da Conscientização sobre a Fibromialgia. 


De acordo com o autor da matéria, ações de conscientização devem ser realizadas através da Secretária de Saúde do município. “Os profissionais das Unidades Básicas de Saúde (UBS) e unidades hospitalares da cidade deverão planejar atividades com o objetivo de, além de informar os pacientes acometidos pela patologia, conscientizar toda a sociedade sobre a importância do diagnóstico, formas de tratamento, sintomas e consequências para os pacientes”, disse João Pessoa.


O QUE É FIBROMIALGIA


Segundo a Sociedade Brasileira de Reumatologia, a síndrome da fibromialgia (FM) é uma síndrome clínica que se manifesta com dor no corpo todo, principalmente na musculatura. Junto com a dor, a fibromialgia cursa com sintomas de fadiga (cansaço), sono não reparador (a pessoa acorda cansada) e outros sintomas como alterações de memória e atenção, ansiedade, depressão e alterações intestinais. Uma característica da pessoa com FM é a grande sensibilidade ao toque e à compressão da musculatura pelo examinador ou por outras pessoas.


O sintoma mais importante da fibromialgia é a dor difusa pelo corpo. Habitualmente, o paciente tem dificuldade de definir quando começou a dor, se ela começou de maneira localizada que depois se generalizou ou que já começou no corpo todo. O paciente sente mais dor no final do dia, mas pode haver também pela manhã. A dor é sentida “nos ossos” ou “na carne” ou ao redor das articulações.


A fibromialgia pode aparecer depois de eventos graves na vida de uma pessoa, como um trauma físico, psicológico ou mesmo uma infecção grave. O mais comum é que o quadro comece com uma dor localizada crônica, que progride para envolver todo o corpo. O motivo pelo qual algumas pessoas desenvolvem fibromialgia e outras não, ainda é desconhecido.


Fonte : Assessoria de Comunicação.

Vereadores acompanham ações realizadas pela Prefeitura

 


Nesta segunda-feira (12), os vereadores de São Lourenço da Mata acompanharam ações realizadas pela Prefeitura em diversos pontos da cidade. Na ocasião, também estavam presentes o deputado federal Silvio Costa Filho (Republicanos); o deputado estadual Eriberto Medeiros (PP); o prefeito Vincíus Labanca (PSB); o vice-prefeito dr. Gabriel Neto; e o vereador do Recife Eriberto Rafael (PP).


A comitiva participou da entrega das cestas básicas na Escola Municipal Ministro Apolônio Sales, onde cerca de mil e trezentos estudantes serão contemplados pelo programa alimentar. “A unidade é uma das maiores da cidade e possui Ensino Fundamental II e Educação Jovens e Adultos (EJA). Todas as modalidades receberão as cestas, ninguém ficará de fora”, enfatizou o presidente do Legislativo, vereador Leonardo Barbosa (PSB).


Na sequência, a comitiva seguiu para os pontos de vacinação contra à Covid-19 no Centro Social Urbano (CSU) e no Flamengo Atletico Clube, ambos no centro da cidade. “Nosso município está 100% preparado para atender a demanda de vacinação com a chegada gradual das novas doses do imunizante. Todas as estruturas estão sendo organizadas respeitando as recomendações dos órgãos competentes e pensando em proteger a saúde dos são-lourencenses. Com muito trabalho e dedicação, em breve vamos estar livre desse vírus”, concluiu o vereador Queu (Republicanos).


Fonte : Assessoria de Comunicação.

Pacheco dará 10 dias para líderes indicarem integrantes da CPI

 


O presidente do Senado Federal, senador Rodrigo Pacheco (DEM-MG), durante entrevista

PEDRO FRANÇA/AGÊNCIA SENADO - 08.04.2021

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), avisou a líderes partidários que eles terão dez dias para indicar membros da CPI da Covid. O prazo começará a ser contado a partir da leitura do requerimento que cria a comissão, o que Pacheco já disse que fará na sessão desta terça-feira (13), cumprindo a decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal Luís Roberto Barroso.


Na prática, porém, o funcionamento do colegiado pode demorar e ficar condicionado ao retorno dos trabalhos presenciais dos senadores, o que não há data para ocorrer.


A comissão deve ser formada por 11 titulares e sete suplentes. Apesar de o foco inicial da investigação ser o governo do presidente Jair Bolsonaro, a oposição terá apenas duas ou três cadeiras, conforme a distribuição das bancadas.


O Planalto age para indicar senadores mais alinhados. Além disso quer adiar ao máximo o funcionamento do colegiado. De acordo com fontes ouvidas, se os líderes não indicarem os membros no prazo estipulado, a escolha pode ser feita diretamente por Pacheco.


Ainda há a possibilidade de senadores retirarem suas assinaturas do pedido de criação de CPI até a meia-noite de hoje, o que inviabilizaria a comissão, mas esse cenário é descartado nos bastidores. Articuladores do Planalto não tiveram sucesso até agora na tentativa de reduzir o apoio.


Em outra frente, parlamentares governistas também atuam para ampliar o escopo da CPI para Estados e municípios, o que pode dividir o foco da investigação ou até inviabilizá-la. A inclusão de prefeitos e governadores, conforme relatos feitos reservadamente, tem o potencial de anular os trabalhos da comissão no Supremo Tribunal Federal, uma vez que o regimento do Senado não permite CPI para investigar governos locais.


Por isso, a estratégia de Bolsonaro para pressionar a ampliação para estados e municípios é vista como tentativa para enterrar a CPI e fazer "do limão uma limonada", conforme o chefe do Planalto admitiu em ligação divulgada pelo senador Jorge Kajuru (Cidadania-GO).


Outra tendência discutida no Senado é instalar a CPI, mas condicionar o funcionamento prático da comissão ao retorno dos trabalhos presenciais do Senado, cenário sem data para ocorrer no momento. Essa estratégia pode ter aval do Supremo, que julga a instalação em sessão convocada para amanhã.


O senador Eduardo Gomes (MDB-TO), líder do governo no Congresso, afirmou que o Planalto considera fato consumado a leitura do requerimento de abertura da CPI nesta terça. "É uma pauta que não vai ter muita repercussão além do que já teve, não", disse sobre a leitura do requerimento.


O objetivo agora do governo é alinhar com o Legislativo o melhor momento de iniciar de fato os trabalhos da comissão. O líder governista defende que a CPI só funcione quando a maior parte dos participantes estiverem vacinados contra a covid-19.


"Tem que ter condições sanitárias adequadas e servidores vacinados, senadores vacinados e repórteres vacinados. Tem que ter um ambiente seguro. Não vejo o que pode garantir isso agora a não ser vacina. Tem uma questão de ordem minha que já está no sistema", disse o senador do MDB.


Fonte: por Agência Estado.

Em Carpina, Eriberto Medeiros lança escola de líderes, pregando mais integração entre classe política e sociedade

 


O presidente da Assembleia Legislativa de Pernambuco, deputado Eriberto Medeiros (PP), acompanhou a sessão ordinária da Câmara Municipal de Carpina, na manhã desta terça-feira (13/04), em visita institucional. Dando sequência ao lançamento do projeto Lideralepe, nova escola de líderes da Alepe, Eriberto apresentou a iniciativa à população da Zona da Mata Norte. Em seu pronunciamento, o deputado ressaltou valores como responsabilidade e união para enfrentar os desafios da política nos dias de hoje.


Com mais de 900 inscritos, o primeiro curso de Desenvolvimento de Lideranças, dentro do projeto, vem sendo reconhecido nas apresentações pelo interior de Pernambuco como iniciativa inovadora, permitindo a oxigenação da política através do conhecimento. “As pessoas que se interessam pela política, aquelas que têm o dom de liderar, elas também precisam ter a oportunidade de se qualificar, de se aperfeiçoar e aprender os desafios da política”, destacou Eriberto.


O presidente da Câmara, vereador Guilherme Diógenes, parabenizou a Assembleia Legislativa pela iniciativa, que envolveu todas as regiões do Estado, especialmente Carpina, representando a Mata Norte, na busca pela integração da classe política, de forma propositiva. “Nunca tivemos essa aproximação com o Legislativo estadual, mas o presidente Eriberto vem fazendo um excelente trabalho junto aos municípios, com os vereadores, fazendo a ponte com os políticos que estão mais próximos do povo”, reconheceu o vereador Guilherme Diógenes.


Na sessão plenária, com a presença de todos os vereadores, cumprindo o protocolo sanitário, o presidente da Alepe agradeceu a oportunidade de conhecer de perto os trabalhos da Câmara de Carpina ao lado do presidente da Câmara, vereador Guilherme Diógenes. “Esse é um momento de união, porque estamos enfrentando um momento difícil junto com toda a sociedade. Por isso não nos cabe briga, discussões vazias. Precisamos estar juntos aqui pra construir soluções para a crise que bate na porta das famílias”, afirmou Eriberto.


Fonte: Blog do Elielson.

Anderson Ferreira se aventura no interior, mas esquece de fazer o dever de casa em Jaboatão

 


Na esteira do prefeito de Petrolina, Miguel Coelho, que intensificou sua agenda na Região Metropolitana para ficar mais conhecido (tema da coluna Fala PE de ontem), o também prefeito Anderson Ferreira, de Jaboatão dos Guararapes, está fazendo o caminho inverso e mira o interior do estado, sobretudo, o Sertão e o Agreste. Anderson já começa a aparecer mais na mídia interiorana, hoje ele concede entrevista à uma rádio de Salgueiro.


A motivação de Anderson é a mesma de Miguel: ficar conhecido e se mostrar competitivo em uma candidatura majoritária para o eleitorado de uma região de Pernambuco distante da sua de origem. Mas há uma diferença nem tão sutil. Enquanto o prefeito de Petrolina goza de aprovação estratosférica no seu quintal, tendo deixado seus principais opositores com menos de 10% nas urnas, em 2020, o gestor jaboatonense, ao contrário, não é unanimidade nem na sua própria cidade.


Anderson se aventura no interior mas esquece de fazer o dever de casa em Jaboatão. Tanto, que viu sua oposição na cidade crescer ao ponto de projetar um adversário, o ex-vereador Daniel Alves, que, já no ano passado, teve 30% dos votos para prefeito, tirando todo o brilho da reeleição do atual gestor. Como é que Anderson quer voar se mal consegue correr? Está colocando o carro na frente dos bois!


Também diferente de Miguel, que terá para mostrar uma administração modelo, amplamente bem avaliada, Anderson vai se basear em uma gestão parca, tímida, sem muito o que gerar de pauta positiva. Mais focada no marketing do que, propriamente, no resultado. Se estiverem disputando a vaga do cabeça de chapa da oposição, os dois pré-candidatos têm um enorme fosso entre eles, com Miguel em muito mais vantagem no comparativo.


PLANO B – O clã dos Ferreira tem um plano B para caso o prefeito de Jaboatão dos Guararapes, Anderson Ferreira, não consiga se viabilizar para concorrer ao Governo de Pernambuco. O gestor pode vir a ser o nome para o Senado do bloco oposicionista. Isso explicaria seu movimento de tornar-se conhecido no interior, estratégia que ele já deu o start. Um Plano C seria o responsável por lançar o deputado federal André Ferreira, irmão de Anderson, à Casa Alta com o vereador Fred Ferreira (Recife), cunhado dos dois, disputando mandato na Câmara Federal. Essa possibilidade é até mais segura já que, para tal, Anderson não precisaria deixar o cargo de prefeito para se arriscar.


RMR – Falando em Região Metropolitana do Recife, os deputados Silvio Costa Filho (federal) e Eriberto Medeiros (estadual) tiveram agendas em municípios dessa área ontem. Em São Lourenço da Mata, os dois estiveram com o prefeito Vinicius Labanca entregando cestas básicas a alunos da rede municipal. De lá, seguiram para Camaragibe, onde, junto à prefeita Doutora Nadegi, entregaram cinco ônibus para transportar estudantes da rede municipal. Na ocasião, Silvio e Nadegi também assinaram convênio no valor de R$ 2 milhões para a mobilidade urbana. Os recursos da emenda serão utilizados na pavimentação e sinalização das vias.


OBRAS – Fernandha Batista tem ganhado notoriedade e destaque à frente da Secretaria Estadual de Infraestrutura e Recursos Hídricos. Suas ações estão em toda parte, pois são mais de 150 obras em execução por todo Pernambuco. O programa Caminhos de Pernambuco de requalificação de vias tem levado desenvolvimento por onde passa. São 5.5 mil quilômetros de estradas em renovação. Um investimento de 505 milhões, com previsão para término em dezembro de 2022.

Fernandha também está à frente do Programa Estadual de Revitalização das Bacias Hidrográficas de Pernambuco, projeto que busca guiar a administração e no planejamento hídrico dos próximos 20 anos.


AUXÍLIO – Durante a live em comemoração aos 100 dias de governo, o Prefeito de Mirandiba, Evaldo Bezerra e o secretário de Agricultura, João do Pife, anunciaram o resgaste do programa Garantia-Safra no município. Trata-se de uma ação do Ministério do Desenvolvimento Agrário financiada pelo Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar, que garante ao agricultor familiar um benefício financeiro, por tempo indeterminado, caso perca sua safra devido ao fenômeno da estiagem ou do excesso hídrico. Essa é mais uma de muitas conquistas do governo que vem se destacando pela eficiência em um período tão curto de tempo.


O povo quer saber: é muito feia a briga entre dois figurões de um dos maiores partidos governistas em Pernambuco?


Por Fernanda Maria, Cientista Política.


Fonte : FalaPE.

Lula pode desencorajar opositores no estado em 2022

 


Nas duas vezes em que foi presidente da República, Lula conquistou expressivas votações em Pernambuco, sobretudo na reeleição em 2006, quando havia garantido diversos investimentos para o estado como a refinaria, o estaleiro e a Hemobras que alavancaram o ambiente econômico e social de Pernambuco. 


O seu legado ainda está cristalino na memória dos pernambucanos, e caso seja novamente candidato a presidente da República em 2022, é possível que ele tenha acima de 70% dos votos válidos. Fernando Haddad obteve 66% no segundo turno de 2018 mesmo com pouca identificação com Pernambuco, o que leva a crer que Lula terá votação recorde no próximo ano no estado se novamente for candidato a presidente. 


Esse movimento de Lula, que já emite sinais de reaproximação com o PSB, partido hegemônico em Pernambuco e que tentará continuar no comando do estado no próximo ano, poderá ter o efeito, segundo aliados, de afugentar projetos de nomes mais alinhados com o presidente Jair Bolsonaro em 2022.


Para um integrante da Frente Popular, nomes como Anderson Ferreira, Miguel Coelho e Raquel Lyra, que vez por outra são lembrados para disputar o Palácio do Campo das Princesas, na hora das definições pensarão duas vezes se oficializarão a renúncia de suas respectivas prefeituras e consequentemente eventuais candidaturas a governador no próximo ano. Este aliado de Paulo Câmara prossegue avaliando que com Lula no páreo será um fardo pesadíssimo de carregar para o candidato de oposição ter que defender Bolsonaro contra Lula na terra do ex-presidente.


CPI ampla – A tropa de choque do presidente Jair Bolsonaro no Senado trabalha para a instalação de uma CPI que investigue todas as ações de estados, municípios e a união no combate à Covid-19. A contraofensiva se deu após o ministro Luís Roberto Barroso obrigar o Senado a abrir a CPI, mesmo tendo outras 70 engavetadas naquela Casa.


Vacinação – Moradores da cidade de São Vicente Férrer reclamam do cronograma de vacinação da Covid-19 em alguns bairros da cidade, onde alguns postos já atingem os 63 anos de idade e outros somente acima de 66 anos, o que não deveria acontecer, pois a vacinação deveria respeitar o cronograma do PNI e abrir idades menores somente quando tiver condições de atender todo o público-alvo da faixa etária.


Leão – A Receita Federal adiou, para 31 de maio deste ano, o prazo para entrega da declaração de Imposto de Renda da Pessoa Física, ano-base 2020. Anteriormente, a entrega estava prevista para o dia 30 de abril e foi adiada como maneira de suavizar as dificuldades impostas pela pandemia.


Hacker – A Polícia Federal disse não ser possível “presumir” a autenticidade dos diálogos trocados entre procuradores da Lava-Jato, como Deltan Dallagnol, pelo aplicativo de mensagens Telegram, obtidas por meio de ataque hacker. A perícia não confirmou a autenticidade desses diálogos e disse que “constitui abuso de autoridade usá-los em investigações”.


Inocente quer saber – Quem toparia ser candidato a governador de todo jeito pela oposição mesmo tendo Lula no outro palanque?


Fonte : Blog do Edmar Lyra.

segunda-feira, 12 de abril de 2021

Entrega das cestas basicas no colégio municipal e acompanhando a vacinação no Centro Social

 


Iniciando a semana acompanhando a entrega das cestas basicas no colégio municipal (Min. Apolonio Sales) ao lado do deputado federal, @silviocostafilho , e do presidente da Assembleia Legislativa de Pernambuco, @eriberto.medeiros . De lá seguimos para acompanhar  e acompanhando  Urbano e no Flamengo Atlético Clube. Aqui deixo meu agradecimento a esses dois amigos que vem trabalhando muito por nossa cidade. Juntos vamos colocar São Lourenço no rumo do desenvolvimento ! 😷✊🙌 

#trabalhandoporvocê 

#rumoaodesenvolvimento 

#SãoLourençofelizdenovo

📷 @muniznetous / @marcoshenriquefot