Teste Teste Teste

sexta-feira, 13 de julho de 2018

Jaqueline anuncia aposentadoria da seleção brasileira

Jaqueline durante jogo da seleção brasileira de vôlei
Jaqueline durante jogo da seleção brasileira de vôleiFoto: Divulgação/FIVB
Após 18 anos de história defendendo a camisa do Brasil, a pernambucana Jaqueline Carvalho anunciou, na manha desta sexta-feira (13), a aposentadoria da seleção. Através de uma postagem no Instagram, ela fez o comunicado e disse que se dedicará a novos projetos e ao filho Arthur, de quatro anos, fruto da união com o também jogador de vôlei Murilo Endress. Jaqueline está com 34 anos. 

Leia também:
Liga das Nações: Jaqueline volta a jogar como ponta
Jaqueline é convocada para a seleção feminina
Campeã olímpica, Jaqueline não descarta voltar à Seleção
Um espelho chamado Jaqueline Carvalho

A última competição disputa por ela com a seleção foi a Liga das Nações, na qual o Brasil terminou em quarto lugar. Jaqueline iniciou o evento como líbero reserva. A mudança de posição foi uma ideia do técnico José Roberto Guimarães, que acabou devolvendo ela para a ponta depois da lesão de Drussyla, na reta final do torneio. 

Jaque estava treinando no Brasil, quando foi chamada para se juntar ao elenco que fazia aclimatação no Japão, enfrentando um longo voo de última hora. Contudo, foi pouco utilizada mesmo quando a equipe enfrentou dificuldades, como na semifinal contra a Turquia e na disputa do terceiro lugar contra a China. Embora seja uma atleta experiente e a seleção esteja passando por uma renovação, a sensação é de que ela ainda teria “lenha para queimar”, sobretudo pela qualidade no passe e pelo volume que proporciona no fundo de quadra. 

Pelo Brasil, Jaqueline conquistou dois ouros olímpicos, em Pequim-2008 e em Londres-2012. A final de Londres, por sinal, é apontada como um dos momentos mais marcantes da história dela na equipe. Após perder um filho e superar uma lesão na cervical, ela chamou a responsabilidade no duelo contra os Estados Unidos e deu a volta por cima após uma campanha de muita eficiência na defesa, mas de poucos pontos no ataque. O desempenho naquela partida calou críticos que a haviam apelidado de "Jaque toco". A galeria de títulos conta ainda com cinco ouros e duas pratas no Grand Prix - que a partir deste ano foi substituído pela Liga das Nações -, duas prata e um bronze em mundiais e uma prata na Copa do Mundo. 

  Veja a postagem na íntegra:

"GRATIDÃO.... Amores, após pensar muito, decidi me dedicar neste momento a novos projetos e à minha Família. Quero acompanhar o meu pequeno - que está crescendo rápido - mais de pertinho. Foram 18 anos na Seleção Brasileira, de muito amor e dedicação, que me renderam muitas histórias, alegrias e amizades que levarei para toda a vida. Agradeço a toda equipe e comissão técnica pelos anos de apoio, carinho e profissionalismo. E claro, a torcida brasileira e todos os meus fãs, que sempre me acompanharam! Agradeço a Deus por toda oportunidade e carinho que vcs tem por mim...?? tudo que pude fazer eu fiz com muito amor!", escreveu Jaqueline.
Fonte: Folha Pe

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...