Teste Teste Teste

quinta-feira, 17 de janeiro de 2019

Em busca de votos, Rodrigo Maia visita Pernambuco

Presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo MaiaFoto: Antonio Cruz/Agência Brasil

Com o objetivo de reverter os votos da bancada federal do PSB e angariar outros, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), desembarca nesta quinta-feira (17) no Recife, onde se encontra, às 10h, com o governador Paulo Câmara, vice-presidente nacional do PSB, com a vice-governadora Luciana Santos, presidente nacional do PCdoB, e parte da bancada socialista no Palácio do Campo das Princesas.

Depois, almoça, às 12h30, com a bancada federal de Pernambuco em restaurante no Empresarial JCPM, no Pina, na Zona Sul da Capital. Atualmente, o democrata conta com o apoio de cerca de 15 dos 25 deputados pernambucanos.

Outrora aliados de Maia, os socialistas passaram a resistir à aliança com o atual presidente da Câmara dos Deputados, após ele selar acordo com o PSL, de Jair Bolsonaro, em troca de comissões chaves da Casa e da Mesa Diretora.

Em processo de construção de um bloco, PSB, PDT e PCdoB divergem quanto ao apoio à reeleição do presidente da Câmara dos Deputados. Ao contrário do PSB, pedetistas e comunistas manifestaram-se favoráveis a Maia. Paulo Câmara, todavia, possui uma inclinação diferente da bancada, embora evite declarar isso abertamente.

A visita de Maia visa, entre outras coisas, ao convencimento dos parlamentares do PSB, a partir do vice-presidente nacional da legenda, com a ajuda da presidente nacional do PCdoB e do deputado federal Wolney Queiroz (PDT), um dos articuladores do encontro. Na ocasião, os deputados federais Tadeu Alencar, Danilo Cabral e João Campos, ambos do PSB, terão oportunidade de ajustar os pontos.

No segundo momento, o democrata se reúne com parlamentares que em grande parte já declararam votos nele. Contudo, o gesto da visita de Maia ao Estado consolida o apoio. Aceno que nenhum outro candidato a presidente da Câmara fez. Os deputados federais eleitos Marília Arraes e Carlos Veras, ambos do PT, que já se manifestaram contra o presidente da Câmara, não vão comparecer ao encontro. Mas, nos bastidores, a reeleição do atual mandatário é dada como certa.

Fonte :Blog da Folha de PE.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...