Teste Teste Teste

sexta-feira, 1 de março de 2019

Aumento na passagem de ônibus é publicado no Diário Oficial do Estado

Aumento de 7,07% foi aprovado
Aumento de 7,07% foi aprovadoFoto: Ed Machado / Folha de Pernambuco
O aumento de 7,07% nas passagens de ônibus do Grande Recife foi publicado na edição desta sexta-feira (1º) no Diário Oficial do Estado e passará a valer a partir deste sábado (2). 

Agência de Regulação dos Serviços Públicos Delegados do Estado de Pernambuco (Arpe) regulamentou o reajuste e, como esperado, fez o arredondamento dos valores. O usuário que utiliza a tarifa A, que atualmente custa R$ 3,20 passará a pagar R$ 3,45. O anel B, que custa R$ 4,40 agora será R$ 4,70; e o anel G passa de R$ 2,10 para R$ 2,25. Para quem utiliza o anel D, devido a sua extinção, passará a adotar a tarifa Ade R$ 3,45.

Leia também:
Confira o que abre e o que fecha nesta quarta, feriado de Data Magna de Pernambuco
Conselho aprova, e passagem de ônibus no Grande Recife fica mais cara a partir deste sábado

Mudanças também são válidas no valor das passagens para quem utiliza os serviços opcionais e especiais. Aeroporto (Opcional) e Shopping RioMar (Opcional) pagará a partir deste sábado (2) o valor de R$ 4,30. Quem pega a linha Gaibu/Barra de Jangada (Via Paiva) terá que desembolsar R$6,40. O aumento também valerá para o Candeias (Opcional), Piedade (Opcional), UR-11 (Opcional), UR 02/Ibura (Opcional) que passará para R$ 6,45. Já o Recife/Porto de Galinhas (S/AR) fica R$ 11,45 e Recife/Porto de Galinhas Opcional passa para R$ 16,75.
A proposta de reajuste de 7,07% foi apresentada pelo Grande Recife Consórcio de Transportes (GRCT) e recebeu 13 votos favoráveisde representantes ligados aos sindicatos, e dos poderes Legislativo e Executivo - dos 24 membros do Conselho Superior de Transporte Metropolitano, 19 integrantes estiveram presentes na reunião. De acordo com o CSTM, o reajuste foi feito abaixo do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo, se analisado o período de dezembro de 2016 a novembro de 2018. “Nosso último reajuste ocorreu em janeiro de 2017.”, ressaltou o secretário de Desenvolvimento Urbano, Marcelo Bruto, durante coletiva realizada nesta quinta-feira (29).

Frente de Luta
Após o Carnaval, a Frente de Luta Pelo Transporte Público (FLTP) deverá acionar a Justiça para solicitação a anulação  do aumento das passagens. De acordo com o representante da sociedade civil no Conselho Superior, o advogado Pedro Josephi, os últimos reajustes estão ocorrendo acima do IPCA, o que não é permitido pelo Manual de Operações do STPP/RMR.

“É importante esclarecer a manobra que o governador faz. Ele chama uma reunião dessas, que gera um impacto gigantesco na vida das pessoas, um dia antes do período carnavalesco. Isso demonstra a falta de transparência e diálogo sobre essa pauta. O transporte e a mobilidade não são prioridades para o Governo do Estado. A discussão relativa à tarifa única, a modificação dos terminais integrados, nada disso entrou na pauta do conselho. Eles votam apenas sobre o aumento da tarifa de ônibus. O Grande Recife e a Secretaria de Desenvolvimento Urbano agem segundo interesses das empresas de ônibus”, criticou
Folha Pe

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...