.

segunda-feira, 3 de agosto de 2020

Lucas Ramos toma posse como secretário no Governo do Estado


Eleito em 2018 como deputado estadual, Lucas Ramos (PSB) deixa o mandato e assume hoje o comando da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (SECTI) do Governo de Pernambuco. A posse de Lucas está prevista para ocorrer às 9h, no Palácio do Campo das Princesas e poderá ser acompanhada pelo canal do Youtube do Executivo estadual.
Por meio de nota, o socialista afirma ter aceitado "a missão de continuar contribuindo com o desenvolvimento de Pernambuco" e lamentou que, diante do cenário de pandemia, a posse tenha que ocorrer com regras especiais.
Na última quarta-feira, Lucas Ramos informou que deixaria a presidência da Comissão de Finanças da Alepe e se licenciaria do mandato legislativo para assumir a Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação do Governo do Estado. O anúncio motivou diversas homenagens e elogios dos deputados a Ramos, que ocupava a Presidência do grupo parlamentar desde fevereiro de 2019.
“Há muita coisa que poderemos trabalhar na Secretaria de Ciência e Tecnologia em conjunto com a Alepe. Nessa missão, eu me sinto como um representante do Poder Legislativo dentro do Governo Estadual”, declarou o socialista, ao falar sobre sua ida para o Poder Executivo. Lucas solicitou o afastamento do mandato para assumir a pasta. “Na próxima reunião, a Comissão de Finanças já deverá ter um novo presidente”, observou.
Conjuntura eleitoral
Com a alteração no secretariado estadual, ocorreu uma "troca de cadeiras" e Aluísio Lessa (PSB), que estava à frente Ciência, Tecnologia e Inovação, retorna à Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe).
A confirmação da ida de Lucas à pasta também formaliza que ele não disputará a Prefeitura de Petrolina, no Sertão do Estado, em novembro. Sem ele no páreo, a tendência de momento é do endosso socialista à candidatura de Júlio Lóssio (PSD), no município sertanejo.
A possibilidade de apoio à candidatura de Odacy Amorim (PT) perdeu força nas últimas semanas, diante postura do PT nacional em garantir que a deputado federal Marília Arraes (PT) disputará a Prefeitura do Recife. Nos bastidores, o PSB visava utilizar o apoio ao PT em Petrolina como uma das moedas de troca para evitar uma candidatura petista no Recife contra o deputado federal João Campos (PSB), pré-candidato socialista ao Executivo municipal.
Fonte: Blog da Folha de PE.