.

segunda-feira, 12 de outubro de 2020

Marília vai à Justiça por PSB usar dobro do tempo na TV

 


A coligação "Recife Cidade da Gente" identificou o uso irregular do espaço de mídia pelo candidato João Campos, do PSB, e apresentou as provas, hoje, à Justiça Eleitoral, pedindo auditoria em todos os tempos de todas as emissoras. As irregularidades identificadas pela aliança liderada por Marília Arraes (PT) ocorreram nos dias 10 e 11 de outubro, na programação da TV Clube.

"No dia 10, a Frente popular do Recife cometeu abuso ao utilizar 360 segundos a mais (o equivalente a seis minutos) do que o estabelecido no plano de mídia. No dia 11, a irregularidade voltou a acontecer com o uso indevido de 2 minutos (120 segundos) a mais do que o permitido por lei. Isso significa dizer que por 2 dias consecutivos o candidato do PSB descumpriu a lei eleitoral", aponta a coligação da petista.

O documento assinado pelo jurídico da Recife cidade da gente protesta contra o que chama de "falta de respeito com os demais candidatos e com a sociedade" e pede a "correção da violação cometida, assim como a perda do tempo em dobro pelo candidato do PSB, multa ao órgão de imprensa por ter privilegiado uma candidatura em detrimento das outras, além de auditoria do tempo utilizado até o momento em todas emissoras de rádio e TV".

Fonte: Blog do Magno Martins.