.

segunda-feira, 9 de novembro de 2020

Militares defendem que Bolsonaro reconheça vitória de Biden


Assessores políticos e também militares do governo defendem, nos bastidores, que o presidente Jair Bolsonaro reconheça a vitória de Joe Biden o quanto antes. A preocupação, cada vez mais, é que o Brasil fique isolado na diplomacia internacional.

Vários líderes internacionais, como Angela Merkel, da Alemanha, e Benjamin Netanyahu, de Israel, já parabenizaram Biden pela vitória.

Bolsonaro, no entanto, ainda não tomou a decisão de admitir a derrota de Donald Trump, por quem estava torcendo.

Havia, inclusive, um planejamento de divulgação de uma comunicação para caso de vitória de Biden esboçado por um integrante do governo – mas, até agora, não houve sinal verde do presidente para ser usado.

Bolsonaro tem se aconselhado com o ministro Ernesto Araújo (Relações Exteriores) e com o assessor internacional Filipe Martins, além de ter o apoio de Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), que preside a Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional da Câmara dos Deputados.

O presidente brasileiro aguarda um anúncio oficial ou o reconhecimento do próprio Trump da derrota, o que ainda não ocorreu.

Fonte: Blog do Magno Martins.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo Seu Comentário. Logo Estaremos o Postando.