.

quinta-feira, 5 de novembro de 2020

TSE e Google promovem debate sobre mitos das eleições brasileiras

 


 Eleições Desmistificando Lendas Eleitorais.

A segurança e o processo de auditoria das urnas eletrônicas, o combate à desinformação e a destinação dos votos dos candidatos com registro indeferido foram alguns dos temas abordados durante a live “Eleições: Desmistificando Lendas Eleitorais”, promovida nesta quarta-feira (4) pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e pelo Google.

O debate on-line, que teve como objetivo ampliar o conhecimento do eleitor brasileiro em torno de assuntos essenciais para a segurança e a realização do processo eleitoral de 2020, contou com a participação do secretário de Tecnologia da Informação do TSE, Giuseppe Janino, e da assessora especial da Presidência do Tribunal, Roberta Maia Gresta. A live foi mediada pela diretora-executiva do Instituto Palavra Aberta, Patrícia Blanco.

Durante a rodada de conversa, Giuseppe Janino comentou sobre um dos temas mais recorrentes durante os anos eleitorais: a segurança da urna eletrônica. Segundo ele, o equipamento foi concebido para ser isolado, ou seja, sem nenhum tipo de conectividade – nem com dispositivos de Bluetooth, nem com internet sem cabo (wifi) ou com qualquer tipo de interação.

Ele explicou que há mais de 30 barreiras digitais nas urnas eletrônicas brasileiras, além das físicas, como os lacres. Além disso, segundo destacou, frequentemente, é realizado o chamado Teste Público de Segurança do Sistema Eletrônico de Votação, ocasião em que são convidados hackers para tentar quebrar essas barreiras. “Tudo isso dá maior confiabilidade e transparência ao trabalho desenvolvido com as urnas”, afirmou.

Janino lembrou que existem no mundo pelo menos 25 países que usam urnas eletrônicas, inclusive alguns estados norte-americanos. O secretário ressaltou ainda a importância das auditorias realizadas antes e depois das eleições, e também falou sobre o projeto Eleições do Futuro, uma ação que visa oferecer soluções de votação mais modernas para os próximos pleitos.

Votos

A assessora especial da Presidência do TSE, Roberta Maia Gresta, explicou para quem vão os votos dos candidatos que têm seus registros indeferidos pela Justiça Eleitoral. Ela esclareceu que, até que se tenha uma decisão definitiva do TSE ou uma com trânsito em julgado sobre o indeferimento do registro, o candidato permanece na disputa e com seu nome estampado na urna. Nesse caso, se realmente o registro do candidato for indeferido, o voto para esse candidato é anulado.

No entanto, nas eleições proporcionais, quando um candidato com registro deferido tiver seu pedido de candidatura indeferido posteriormente por algum motivo, os votos serão aproveitados para o partido ao qual o político está filiado. “Esse é um assunto árido, que causa muita dúvida e, consequentemente, notícias falsas acabam circulando. Por isso, é importante o cidadão acompanhar a situação do registro do seu candidato no sistema de Divulgação de Candidaturas e Contas Eleitorais, na página do TSE na internet”, pontuou.

A respeito das notícias falsas que circulam nas redes sociais, Roberta Maia Gresta ressaltou que uma fake news tem até oito vezes mais chance de ser repassada do que uma informação verdadeira. Assim, para combater a desinformação sobre eleições no Brasil, o TSE firmou parceria com diversas plataformas digitais, como o Google, o Facebook, o WhatsApp, o Instagram e o TikTok. De acordo com a assessora, até agora, 1.020 denúncias foram feitas ao Tribunal sobre movimentações suspeitas de disparo de conteúdo falso via WhatsApp. Com isso, 256 contas já foram banidas pelo aplicativo de mensagens.

Próxima live

Na próxima segunda-feira (9), o TSE e o Google realizarão mais uma live sobre o tema “Como votar de maneira segura: protocolos sanitários e outras dicas”, com a participação do presidente do Tribunal, ministro Luís Roberto Barroso, e do médico Roberto Kalil Filho (InCor/USP). O evento será transmitido a partir das 18h30 nos canais do TSE e do Google Brasil no YouTube.

Fonte: TSE.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo Seu Comentário. Logo Estaremos o Postando.