.

sexta-feira, 11 de dezembro de 2020

Após derrota nas urnas, Patrícia Domingos retorna os trabalhos em delegacia do Recife


 Após derrota nas urnas, Patrícia Domingos retorna os trabalhos em delegacia do Recife

A delegada Patrícia Domingos voltou a dar expediente na Polícia Civil de Pernambuco. A ex-candidata à Prefeitura do Recife retornou ao seu ofício, após derrota nas urnas e amargurar o quarto lugar nas eleições municipais 2020, que elegeu João Campos (PSB) prefeito do Recife.

Mudando o setor que estava antes das eleições, a delegada irá investigar crimes relacionados a crianças e adolescentes.

Portaria da Secretaria de Defesa Social (SDS), publicada no último sábado (5), determinou que Patrícia Domingos exerça a função de delegada adjunta da Delegacia de Polícia de Atos Infracionais, ligada ao Departamento de Polícia da Criança e do Adolescente (DPCA), no Recife. A portaria foi assinada pelo secretário de Defesa Social, Antônio de Pádua.

Delegada há 12 anos, antes de pedir afastamento das atividades para ser candidata pelo Podemos, Patrícia estava lotada no Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). Também já foi titular da extinta Delegacia de Crimes contra a Administração e Serviços Públicos (Decasp) e de delegacias de bairros.

Eleições 2020

Candidata pela primeira vez a um cargo público, Patrícia ficou em quarto lugar na corrida municipal com 14% das intenções de votos com 112.296 votos e a derrota fez a candidata sequer ir ao segundo turno.

A delegada chegou a receber o apoio do presidente Jair Bolsonaro e foi até Brasília-DF participar de uma de suas lives, mas a rejeição do presidente no Recife e o episódio resgatado de tuítes da delegada em 2011, em que chamou a capital pernambucana de “Recífilis” e chamou o povo do Recife de ‘feio’, pegou mal e fez Patrícia despencar nas pesquisas, após aparecer forte na briga pelo segundo turno.

Fonte: Portal de Prefeitura.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo Seu Comentário. Logo Estaremos o Postando.