.

terça-feira, 23 de março de 2021

Exclusivo: Lockdown deve continuar em Pernambuco


 O estrangulamento do sistema de saúde pernambucano, em decorrência do avanço dos casos de coronavírus no estado, deve obrigar o governador Paulo Câmara a prolongar o lockdown para além do dia 28 de março. O assunto já faz parte das reuniões do comitê estadual que monitora a atividade do vírus. Além do prolongamento, outra estratégia, essa mais dura, começa a ganhar defensores entre os conselheiros do mandatário. Trata-se do recrudescimento das medidas restritivas, incluindo aí até proibir a circulação de pessoas.


As medidas, que não são nenhuma novidade, ganharam força face aos números estarrecedores. Só ontem (21), o balanço da Secretaria de Saúde apontava a incrível marca de 1.016 novos casos em apenas um dia, com 23 óbitos. Se contarmos desde o início da pandemia, há um ano, já são 330.649 casos confirmados no estado com 11.661 mortes.


Outro dado, esse cultural, colabora para o caos. Os pernambucanos, do litoral ao alto sertão, não respeitam o lockdown. O índice de isolamento ainda é muito baixo: 40%. Quando vamos para cidades do litoral sul, a exemplo de Ipojuca e Cabo de Santo Agostinho, repletas de praias, esse índice cai para 35%. A meta estabelecida pelo governo é 60%, um objetivo quase irreal ao se conferir como funciona na prática.


Podemos somar a isso a resistência dos pernambucanos em usar máscara. Basta uma breve circulada pelo Recife, ou por qualquer cidade do interior, para vermos que nosso povo também não cumpre essa obrigação. A tempestade perfeita está formada. Até quando vamos ter que ligar a televisão e nos deparar com notícias de mortes e mais mortes? Quantas pessoas já conhecemos que perderam os seus? Quantos parentes nós já perdemos? O que mais falta?


MAIS LEITOS – Diante da tragédia, o governo tem se desdobrando para abrir mais leitos de UTI em todo o estado. Durante reunião do Comitê de Enfrentamento à Covid-19, nesse domingo, o governador destacou o esforço logístico e sanitário realizado pelo Governo de Pernambuco para abrir leitos de terapia intensiva durante a pandemia. Ao longo dos 20 dias de março, foram criados 383 leitos de UTI em 14 municípios de todo Pernambuco. 


MAIS LEITOS 2 – “Para se ter uma ideia, o Hospital da Restauração, maior emergência pública do Norte e Nordeste, conta com 60 leitos de terapia intensiva. Nesses 20 dias, colocamos em operação o equivalente a seis hospitais da Restauração. Um esforço logístico e sanitário sem precedentes na nossa história”, detalhou Paulo Câmara. Segundo o socialista, a previsão é de que, nas próximas semanas, ainda sejam abertos mais 200 leitos de UTI. 


MORTES – Apesar dos esforços, as informações de mortes inundam o noticiário em todas as cidades. Em Ouricuri, no último sábado, o hospital de campanha registrou dois óbitos de pacientes internados na unidade com quadro grave da doença à espera de leito de UTI. No final do dia, mais setes pessoas estavam em estado grave na unidade e duas transferências de pacientes acometidos da doença, internados, estavam sendo realizadas. O cenário de guerra é apenas um exemplo do que se vê em todo o estado.


SÓ DEUS – Em meio às trevas instaladas no Brasil, o nosso presidente da República, completando ontem 66 anos (sem trocadilhos bíblicos), aproveitou o dia para soltar mais bravatas e causar mais polêmicas. Sem máscara, Jair Bolsonaro disse que “só Deus” o tira do cargo. A declaração foi dada diante de uma pequena multidão que se aglomerou em frente ao Palácio da Alvorada para lhe homenagear por seu aniversário. Não bastasse isso, Bolsonaro ainda ameaçou jogar o Exército em cima de governadores, a quem chamou de “tiranos”. Só Deus nessa causa mesmo.


O povo quer saber: O leitor da coluna concorda com o prolongamento do Lockdown?


Fonte : FalaPE.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo Seu Comentário. Logo Estaremos o Postando.